Joias

Entenda as diferenças entre joias e semijoias

Muitas vezes, para dar aquele toque especial ao seu figurino, nada melhor do que um belo acessório, não é verdade? Além de dizer muito sobre o seu jeito de ser, ele acrescenta charme e elegância a qualquer produção. Entre eles, a lista é grande: sapatos, bolsas, lenços, cintos etc.

No entanto, com certeza, as joias — sejam brincos, pulseiras, anéis ou colares — possuem um lugar de destaque e, em diversas ocasiões, tornam-se indispensáveis. Mas, você conhece as diferenças entre joias e semijoias?

No post de hoje, para ajudá-lo a entender melhor sobre o assunto, apresentamos as principais características de cada uma delas e explicamos o que você deve fazer para garantir a durabilidade das suas peças. Continue a leitura e saiba mais!

Quais são as principais diferenças entre joias e semijoias?

Joias

As joias são fabricadas em metais nobres — como ouro, platina e prata — e com pedras preciosas — como diamantes, rubis, safiras, entre outras. Entretanto, o valor mais elevado das peças também está relacionado com o processo de criação (design), a utilização de ferramentas corretas, a experiência e a tradição do profissional ourives e a durabilidade.

Além disso, elas são resistentes a riscos e arranhões. Quando isso acontece, você só precisa fazer um polimento para que eles desapareçam. Assim sendo, mais do que belos acessórios, as joias são uma forma de investimento financeiro para quem gosta de colecionar peças requintadas e diferenciadas.

Semijoias

Por sua vez, as semijoias são feitas de metais mais comuns, como cobre, paládio, bronze e níquel. Somente após sua confecção é que passam por um processo no qual são banhadas ou folheadas com metais nobres (como ouro ou prata, por exemplo).

Nesse sentido, a principal distinção entre uma semijoia banhada e uma folheada é a seguinte:

  • banhada — significa que a peça recebeu apenas uma camada de metal nobre;
  • folheada — ao contrário da primeira, a peça passa por vários banhos de ouro ou de prata. O procedimento garante um produto final bonito e atraente, com um acabamento de excelente qualidade.

As peças reproduzem as joias verdadeiras e o valor delas é bem menor do que as originais, atendendo, dessa maneira, ao desejo de compra e de gosto de quem, por exemplo, adora variar bastante os acessórios.

Como manter a durabilidade das suas peças?

Quando se trata de conservar suas joias e semijoias, uma coisa que você deve sempre ter em mente é a importância de guardá-las em um porta-joias. No entanto, o atrito entre elas pode causar-lhes danos. Para protegê-las da maneira mais adequada, o ideal é, antes de fazer isso, acondicioná-las em saquinhos individuais.

Lembre-se também de impedir que as suas semijoias sejam polidas de modo intenso, na medida em que elas não foram fabricadas para isso. Procure não deixar as peças, tanto joias quanto semijoias, expostas ao sol intenso ou a temperaturas muito elevadas. Evite também o contato com condicionadores, cremes, xampus, perfumes, sabonetes, entre outros produtos químicos. Por fim, é aconselhável retirá-las antes de entrar na piscina ou do banho de mar.

Saber as diferenças entre joias e semijoias, mais do que se são maciças, folheadas ou banhadas, é poder escolher de quem as adquirir com confiança e cuidar delas com todo o carinho para que durem mais e sempre realcem a sua personalidade.

Gostou deste post? Aproveite e compartilhe-o nas suas redes sociais para que seus amigos também fiquem bem informados sobre o assunto. Até a próxima!

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
Receba um cupom de desconto de até 17%
Assine para ganhar um cupom de desconto especial e acesso a conteúdo exclusivo do blog.
nós não enviamos spams
Sorteio.

já tem um presente para o Dia dos Namorados?

não? participe do nosso sorteio e concorra a um par de alianças de prata.

2019 (C) todos os direitos reservados
ofertas com até 75% de desconto
é a Black Friday fora de época
Alianças de Ouro Rosé
ROSE5
ganhe 5% de desconto, use o código de cupom